domingo, 22 de abril de 2018

Era de Aquarius - Age of Aquarius

Em português ler aqui no Blog em 23 de outubro de 2016.
Inglês - 
http://cadernoaquariano.blogspot.com.br/2011/04/age-of-aquarius.html

                                Zodíaco árabe 
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

sábado, 21 de abril de 2018

Tiradentes - Herói Nacional - 21 de Abvril !

“O papel mais arriscado quero-o para mim”.
TIRADENTES  - Joaquim José da Silva Xavier (12/11/1746 - Fazenda do Pombal MG – 21/4/1792 – Rio de Janeiro – enforcado, esquartejado) - Herói Nacional por lutar por direitos cívicos _ Inconfidente mineiro_ precursor na luta pela Independência do Brasil. 

Pintura - Figueiredo


De Tiradentes: “Se todos quisermos podemos fazer deste país uma grande nação”

“Dez vidas eu daria se as estivesse para salvar a deles”.

“O papel mais arriscado quero-o para mim”.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Signo de Touro


                   Vitral - Catedral de Chartres
O Sol iniciou seu percurso pelo Zodíaco, signo de Touro, hoje, dia 20 de abril a 0h20 da madrugada, Rio de Janeiro, Brasil - Outono / hemisfério sul. Astrologia é uma linguagem simbólica. Este signo pertence ao elemento Terra - Analogia com Vênus – feminino, fixo.
Touro é o 2º signo do Zodíaco (a cada ano poderá cair em 19-20-21/ abr. a 20-21-22/maio, dependendo da latitude e longitude horária).
Vênus  Museu de Berlim - Vênus de Milo, Museu do Louvre 

Características agradáveis e desagradáveis deste signo:
Valores pessoais e materiais. Trabalho e lucro. Bens materiais. Organização. Objetividade. Praticidade. Segurança pessoal. Tenacidade. Posse. Acumulação. Construtividade. Constância. Persistência. Teimosia. Utilitarismo. Raiva.  Sentimentos contidos. Rancores. Tolerância. Fidelidade. Proteção. Amorosidade. Prazeres em geral. Bom comensal. Lealdade. Obstinação. Afetuosidade. Obsessividade. Gosto pelas Artes. Sensualidade vigorosa. Paciência. Repressão. Frustração. Administração. Economia. Contabilidade. Egocentrismo. Apego. Produtividade. Repouso. Quietude. Sentido da natureza. Resistência. Inércia. Inflexibilidade. Propósitos concretos. Ciúme. Continuidade. Reserva. Solidez. Estabilidade. Realização.

Iluminura Idade Média 

domingo, 15 de abril de 2018

Poetizando com selos


China

Poetizando com selos – sinetes dos povos. Passei o dia entre aquarelas, selos e canetinha nanquim. Desenhando desvio tensões, longe das armações e das grandes potências cheias de ódios. As barbáries dos insensatos, atadas às suas perversas psicoses, não podem nos abater de todo. 
Grecia e
Brasil

Procurar antídotos compensadores; música, artes, amizades afetuosas, família, natureza. Não se alienar, mas se cuidar.  Vários desenhos em pequenos formatos/ detalhes.
França, Inglaterra e Portugal
----------------------------------------------------------------------------

sexta-feira, 13 de abril de 2018

Ciclo astrológico – ponto de vista


Liberdade de escrever XI – ciclo astrológico – atualidade.
Sempre me vi interessada pelas questões políticas, jurídicas, governamentais e sobre tudo o caminhar da humanidade em seu percurso histórico em várias áreas do saber. Uma delas, a Astrologia, nos primórdios das civilizações, e, que me atraiu na simples intenção de desvendar os ciclos que impulsionam a espécie humana em sua evolução, seu árduo processo criador.
Não me atrai a Astrologia pautada nas vaidades, ambições desmedidas, ânsias banais de glórias e sucessos, e sim a que é pontual como um método prático de autoconhecimento e possibilidades realizadoras, criatividade no cerne de cada ser.  Ah, longe da astrologia sentimental, a que visa buscar o “Amor da minha vida”, quando encontrará ou voltará  “aquele que me completa”. Ah, por favor, sou uma aquariana que dirá friamente; seja arrojada e procure por si mesma, com ética e dignidade, quem procura, acha.
É estreiteza e banalização justificar nas posições celestes as perversidades e crueldades dos atos pessoais, ou aquelas manifestas pelas organizações institucionais, sejam elas estatais ou privadas. “Os astros inclinam, não determinam”. Os atos e decisões pessoais não podem ser justificados pelas posições dos astros, apenas explicadas por analogia simbólica. A liberdade humana atua e infere por “livre arbítrio” diante de fatos de qualquer natureza e questões a serem vividas. Cada ser humano tem a responsabilidade e o poder de decidir conforme a sua consciência diante de fatos a enfrentar com suas complexidades, as mais paradoxais possíveis.
Vivemos um tempo de travessia fortemente marcado por ciclos planetários, semelhanças astrológicas, que nos remetem à Antiguidade, à Renascença e a Revolução Francesa.
Suméria 1.300 a. C.

Demos um passo ou mais. Há dois mil anos escravos romanos que fugiam da opressão, em Belém, na Palestina, nasceu um judeu revolucionário que desobedeceu a Lei Mosaica ditando outros horizontes para a humanidade, na Renascença, cristãos no Ocidente, se rebelam diante de dogmas e normas que esmagavam a liberdade espiritual, as artes e as ciências avançaram grandiosas, no séc. XVIII as conquistas sociais foram demarcadas com a Revolução Francesas. Tempos de trevas, luzes e trevas no mundo moderno. Não tem mais espaço na vida contemporânea, do terceiro milênio, diretrizes pré-fabricadas por poderes vazios de valores. Estamos no século XXI e a humanidade se confronta com semelhanças astrológicas de há 4.000 anos quando apareceu a escrita nos tabletes de terracota. Agora, a revolução industrial e tecnológica de ponta com as mil possibilidades, na internet, celulares e suas plurais parafernálias.
Babilônia, 1.000 a. C.

A Vida é Bela em seu processo, o ser humano atua e avança para níveis mais depurados. A humanidade se confronta se conflitando; por razão de sua existência, natureza essencial, evoluir para o ponto Ômega da criação.

Desenho _ scaner _ aquarela, bico de pena e selo
Riquezas do Brasil, 2001

terça-feira, 10 de abril de 2018

Liberdade de escrever - honestidade-corrupção


Pessoas que se acham melhores que outros cantam pela prisão do ex-presidente Lula da Silva e se colocam violentas contra a famigerada corrupção, cheias de ódios capilares. Mas “honestas” que são, acusam levianamente os outros e esquecem que não declaram seus impostos de renda, e, sabem muito bem como sonegar. Gente do atraso que não suporta ver como as pessoas mais simples/povo estão, frequentando cinema, teatro, concertos, restaurantes, e, andam de avião, e mais, compram automóvel com o suor do trabalho!
Como é bom ver trabalhadores/as assalariados ou autônomos se arrumarem gloriosos e irem aos eventos sociais com liberdade de cidadãos livres, ocupando espaços públicos que a todos pertencem! Uma senhora que andava desgrenhada, desalinhada, quando mais jovem, teve a oportunidade de se vestir como gente, a seu modo e de batom, diga-se de passagem, se ver feliz por frequentar o Theatro Municipal e a Sala Cecília Meireles! Quero é ver toda a humanidade feliz, com boa escolaridade, educação, bem vestida e alegre, sem exclusões --- tendo casa, pão e bom vinho ou cerveja na mesa. Sejamos generosos em palavras, desejos e ações.


~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Lula da Silva "Eu sou uma ideia!"


"Eu não sou mais um ser humano,
 eu sou uma ideia!" 
Lula da Silva - uma das inteligências mais aguçadas do Brasil 

Os recursos do Petroleo para a Educação do povo brasileiro -
sonho deste operário metalúrgico ex-presidente do Brasil.

domingo, 8 de abril de 2018

Lula da Silva - Prisão por um Triplex que não lhe pertence.


                                  Lula falando pra jornalistas
Condenação do ex-presidente da República Federativa do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva: Estado de Direito ou 'lawfare' (tradicional ‘método militar’ para obter sucesso em campo de conflito)?
LULA > Condenado por ser proprietário de um tríplex que jamais lhe pertenceu. Que foi reformado pela construtora OAS, desejando oferecer para o Presidente da República do Brasil; Luiz Inácio Lula da Silva. Venda que nem ocorreu e não teve qualquer registro em cartório de imóveis, na compra e venda como proprietário. Tríplex, no Guarujá, SP, que se tornou uma desgraça nacional. Nunca pertenceu ao Lula como ficou mais que comprovado. Nada sendo provado nos autos do processo judicial, estamos diante de Prisão Injusta e cruel, e mais, negando a Constituição, já que o julgamento não está concluído, que ainda não se esgotaram os recursos legais. Prisão num jogo político e ilegal.
Não é, apenas, o LULA que o judiciário, com Toga política visa crucificar, o buraco é mais fundo, visa gananciosamente obter migalhas na privatização das RIQUEZAS DO BRASIL, as quais Lula jamais passaria pras mãos de pessoinhas, bípedes pelados e peladas que somos todos; nacionais e/ou internacionais, amarrados no capitalismo selvagem/diabólico.
Seu eu fosse mais jovem reativaria minha carteira da OAB para ficar à disposição, gratuitamente, no que precisassem em defesa de LULA. Desta forma advogo aqui no meu humilde espaço > internet.
A VERDADE VENCERÁ, como ele mesmo disse. E que não tarde LULA LIVRE!
 Comprar e ler - Luiz Inácio LULA da Silva A VERDADE VENCERÁ, Boitempo Ed. 2018 > GÊNIO! Ali tudo registrado pontualmente por ele. Homem paixão, gênio, coragem inigualável.
/// Cansados de minhas postagens? Compreendo > podem escolher dançar; é bom pros nervos, músculos, cérebro e circulação sanguínea. Estou nas Ruas Virtuais pela DEMOCRACIA longe das mídias mentirosas, perversas, manipuladoras. LULA LIVRE! 
Triste e doloroso o momento histórico, mas temos agora O HERÓI... Um GÊNIO, Lula da Silva. O judiciário/político/doentio criou um GIGANTE > MITO, pura falta de visão. Nosso mais novo herói; Lula da Silva”!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Constituição - Carta Magna - Prisão de LULA - Brasil


Com base na regra da CONSTITUIÇÃO - 1988 -
Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos
Art. 5º inciso LVII - “Ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória”.
A pena só poderia ser cumprida depois do esgotamento de todos os recursos possíveis nas quatro instâncias da justiça.
Necessário que em julgamento todos os recursos sejam feitos até se esgotarem, visto que não são poucos os casos em que réus cumpriram penas indevidamente, presos de forma ilegal. 
O Teatro Shakespeariano do Judiciário é eficiente, cada dia um cenário diabólico para ser apresentado ao mundo com as pompas do espetáculo num julgamento meramente político.
Não é o Lula que está sendo julgado, estão julgando é o governo do Lula - o PT no governo. Sem provas legais/pessoais não há o que condenar. LULA LIVRE !

quinta-feira, 5 de abril de 2018

A Lula, ex-presidente do Brasil, minha solidariedade.

Foto - Maurício Scerni, dez. 2017.
 Lula, minha solidariedade. 
O que está em jogo é o BRASIL
Em defesa do estado democrático de direito, da Constituição e da presunção da inocência.
Triste momento em nosso amado Brasil! Quanta Ignomínia! Cruel perseguição ao ex-presidente Luiz Inácio LULA da Silva, condenado sem provas. LULA deveria responder em liberdade até que o processo seja julgado em todas as instâncias judiciais, após o fim de todos os recursos na própria Corte.
Julgamento tem que ser jurídico e não político, com armações e cheiro de covardia. STF que judiciário é este? Não se deve estar acima da Lei; seja jurídica e/ou humana. Bom senso, inteligência humanista e concórdia é o que desejamos.
Desde jovem, tendo cursado Advocacia, formada em 1965 – UEG/UERJ, que acompanho todos os esforços do nosso povo e governantes nacionalistas empenhados no exercício hercúleo por um país livre - BRASIL social-democrático. Tornaram escuros e turvos os nossos horizontes.
O Mundo inteiro e os Trabalhadores do mundo inteiro nos olham, nos acompanham. Não pertenço a partidos políticos, sou cidadã brasileira em defesa do nosso BRASIL.
 --- Não perderemos a ESPERANÇA.

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Processo criativo - texto - folhagens

Folhagens, duas linhas - bico de pena e aquarela, 2018 

Processo criativo
                                             Martha Pires Ferreira
                       Texto - 40 Anos de desenho/ 2008. 
                    Todo ser humano é potencialmente um criador. A criatividade é essencial à natureza humana, à expansão da personalidade.

          O processo criativo se dá por conexões; impulsos internos e desejos de expressão interagem intuitivamente com o mínimo da interferência lógica, racional. Assim, penso, deveria ser. Para outros, ocorre o inverso, é o domínio da racionalidade com um quantum de impulso instintivo.
          O anseio imagístico procura dar forma, ao se deixar revelar, desvelar o que antes era invisível ao conhecimento. É o novo que brota genuíno e real. Arte é descobrir, é tornar visível o que não existia. Não se cogita beleza estética, e sim dar origem a. Os caminhos são complexos e, por vezes, paradoxais. A apreensão sensível de conteúdos expressivos nas artes plásticas, musical ou poética são experiências efetivas e diretas da sensibilidade criadora de cada pessoa, individualmente. A obra de arte não se limita ao objeto em si, é mais que representação pictórica.
          Criatividade é processo inesgotável. As mãos engendram quase por magia; nas atividades plásticas desde o artesão das cavernas, passando por toda a história da arte antiga, clássica e moderna com Cézanne, Matisse, Picasso, Paul Klee ou à sofisticada cognição intelectual interagindo simultânea, sensitivo e emocional, nas obras de artistas contemporâneos, brasileiros, como Lygia Clark, Tunga ou Cildo Meireles. Citando estes apenas.
          Os olhos, um telescópio; constata e contempla a obra realizada, indo além, num mergulho misterioso. A criatividade é a mola impulsionadora da essência da vida. A obra pronta, é quem fala, se faz real e presente. É mais que um objeto.
          No meu caso pessoal, desenhar é um ato de liberdade que se faz incontinenti. É deixar mostrar o latente, revelação, espanto intelectual e emocional obedecendo ao que a intuição determina. Deixar o imprevisível acontecer, descobrir, tocando o abissal. A sensibilidade é o tom que contribui para a criação pictórica se tornar manifesta. O artista é, apenas, um instrumento ativo no processo.
          Enlouquecida, aprendi com Hokusai (1760 – 1849) que no exercício de desenhar, no penetrar na essência de todas as coisas manifestas, pode-se chegar a um nível de consciência, de saber, mais elevado, impensável, onde tudo vive; cada ponto, gesto, linha, cor. Arte é celebração. O que a imaginação apreende como fogo criador, sopro e beleza, é verdade, é espiritualidade. Além disso, nada sei.
________________________
Exposição individual -  texto - 40 anos de desenhos / Performance - Som e Silêncio.
Pelos de cabiria em papel japonês, - col. Teresinha Castelo.
Mundo Político, interferências em mapa mundi - 1997
Sonar, Rio - Europa, 1971 - mostra - 2008.
Galeria Mauá/ Chave Mestra / Santa Teresa – 2008 - Rio de Janeiro.

terça-feira, 3 de abril de 2018

Liberdade de escrever - desenho 1966



Liberdade de escrever - desenho 1966 - canetinha esferegráfica.
Início do ano escolar, totalmente angustiada com o andamento da ditadura militar, a estreiteza intelectual do meu entorno e o cerco à volta com impossibilidades de se viver livre no ir e vir, dizer e se expressar, e, não enxergar qualquer vislumbre de retorno à democracia, numa tarde, curvada sobre a mesa, no tradicional Colégio Jacobina, Rio de Janeiro, onde eu era uma das coordenadoras das alunas, apanhei um papel qualquer e fiz o desenho de uma casa, ampla e meio retirada num campo como imaginei. Disse para mim mesma, chega, dou as costas para este ocidente estreito e cruel, quero só desenhar pra nada, pra meu prazer, minha fuga, meu amparo emocional. Vou me segurar nas imagens sem preocupar-me com estilo, estética, forma, conteúdo; liberdade criadora, apenas. Abandonei a coordenação e segui na escuridão. E assim o desenho foi minha âncora, meu horizonte sem regras, sem metas. Até hoje desenho por desenhar, sem qualquer compromisso com a aceitação como produto de arte. 

Por pura liberdade fiz exposições, participei de salões, viajei e mostrei meus trabalhos, mas sempre sem critério, sem amarras, sem compromissos. Se existe algum é somente o prazer de engendrar o que o cérebro e as emoções apontam com liberdade plena. Sim, disciplina, aperfeiçoamento, qualidade com materiais. Fico espantada como passou o tempo Kairos e Cronos, vertentes da vida. Várias fases e versões - Computador, bico de pena, nanquim,1982.
Agora, novamente, um aperto no peito diante do massacre á democracia, neste abrir para o terceiro milênio, em proporções grotescas, veladas, capciosas e não menos perversas, depois de mais de 50 anos em retrocessos e avanços. Coração ferido não enxerga o fio do horizonte neste ano de 2018, fio da cristandade que desconhece a humanidade real de Jesus de Nazaré histórico. Mesmo assim meu coração tão ferido tem a marca da esperança salvífica, diante dos atritos, das discórdias e, sobretudo, dos medos de evolução e progresso. O ser humano tem medo de ser feliz, de sair de suas acomodações e vícios, entretanto, espera-se que em sua sede de humanidade há de encontrar uma saída de renovação, entendimento, bondade, sabedoria, mais igualdade e fraternidade entre todos sem exclusões. É o que apreendo da mãe natureza que nos ama e nos abraça.

Flores Lilás para suavizar o coração sensível, bico de pena e aquarela, 2018.